quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Vídeo do Círculo Poético Aberto do mes de novembro

video
Grazas a João Rios (Silêncio da Gaveta) por enviarnos este poema para participar connosco dende a distancia.

Leonor ticota corações que são fósforos
ultrapassando os escassos humores da meteorologia
por isso a cada seu coração amanhecido
repicam-nos na face sinos de obediência às coisas belas
e nós desatados pelo pardal do espanto
diluimos a naufraguitude dos pesadelos
e embebidos de tão autêntico sol
esperamos por essas linhas de pé adiantado
que espreitam os dias do sopé das casas
como pássaros escrevendo no livro de fugas
a perfeição

Sem comentários:

Enviar um comentário